Espetáculo inspirado em Cora Coralina chega esta semana em Imperatriz


Uma das mais respeitadas poetisas do Brasil, Cora Coralina, é homenageada pela peça "Cora dentro de mim - Plantando roseiras & fazendo doces" que será apresentada esta semana em Impeatriz, depois de passar por diversas cidades do país. 
O espetáculo será encenado nos dias 22 (quarta-feira) e 23 (quinta-feira) de março no Teatro Ferreira Gullar em sessões às 20h. Os ingressos custarão R$10 meia/R$20 inteira e podem ser adquiridos no dia da peça.
Idealizado e interpretado pela atriz maranhense Lília Diniz, que também é membro da Academia Imperatrizense de Letras, a peça é um premiado espetáculo cênico-poético-musical, no qual os pensamentos da doceira e escritora Cora Coralina são encenados por meio de seus versos e contos, na velha Cidade de Goiás.
Em forma de monólogo, ao longo do espetáculo, que tem aproximadamente 70 minutos de duração, a protagonista traz para a composição um fogão artesanal real – no qual são feitos doces em cena. O intuito é que o público sinta um clima que busca ser intimista e aconchegante, promovendo um estímulo aos sentidos. O doce fica pronto para degustação do público ao final do espetáculo.
A peça explora dramas pessoais, história, culinária e comportamentos para compor a história e obra da escritora, que fez da sua jornada literária uma luta constante pela afirmação de sua identidade e da renovação constante da força de mulher.
Cora Coralina - era o pseudônimo de Ana Lins de Guimarães Peixoto Bretas. Foi contista, cronista de tempos passados e presentes. Nasceu na cidade de Goiás, antiga Villa Boa de Goyaz, em 20 de agosto de 1889. Publicou seu primeiro livro aos 75 anos de idade e continuou lúcida até quase os 96 anos, quando morreu em 1985. Ficou famosa quando Carlos Drummond confessa que os poemas de Cora o tocavam profundamente.

Leia mais em: Correio Popular

Comentários