Skip to content

20 de junho de 2018

São João 2018 em Imperatriz terá edição inédita com semana inteira de programações


Uma das maiores festas culturais do Estado, o São João, terá uma edição inédita e repleta de atrações em Imperatriz, com uma programação oficial promovida pelo governo estadual.

O investimento no "São João de Todos" era um anseio antigo da população e produtores culturais. Sem dúvida uma vitória para a  cultura e um avanço inovador já que o evento em sí descentraliza  o diálogo com fazedores de cultura mais distantes da capital São Luis.

A programação se iniciará no próximo dia 23 e se estenderá até o dia 30. O primeiro dia do festejo, 23 de junho, será marcado por apresentações de grupos de quadrilhas e forró com Xaxado Pé de Serra do Seu Genu, Banda Retrô, dentre outras atrações. A programação contará também com o trio sertanejo Brassalis, que é formado pelos irmãos Monique, Suzy e Ruan Brassalis, filhos dos cantores Wilsinho Gogó de Ouro e Lílian Leite. A banda promete deixar o clima do São João de Todos ainda mais animado ao som do sertanejo, cantando musicas já conhecidas pelo público e de própria autoria. 

A programação terá ainda Lairton dos Teclados, Forró Jorge Baião – Baião de Dois, Lilian Diniz e banda, Boi da Gameleira, Companhia Sotaque, Boi da Juventude de Miranda do Norte, Boi da Juventude e Boi Bem Querer. Outras atrações da programação são: Atemi Di Barros, Boi Vitória, Quadrilha Arrasta Pé e o show de Kevin Baetz. No dia 28 de junho, a Beira-Rio recebe em seu palco o Forró Xaxado Pé de Serra do Seu Genu, Grupo Kizomba, Boi Estrela da Manhã de Governador Edson Lobão, Show Negrine e banda.

Ineditismo

Outra novidade é a mostra competitiva de quadrilhas juninas. Entre os dias 29 e 30 de junho, será realizada a I Mostra Competitiva de Quadrilhas Juninas do Maranhão, em três etapas: a primeira é a fase eliminatória, definida após inscrição; a segunda etapa é a fase classificatória, que será realizada no dia 29 de junho; e a terceira é a fase final, que será realizada no dia 30 de junho. As duas últimas etapas serão realizadas na Beira-Rio, em Imperatriz. O campeão levará para casa 1 carro 0km ou o valor de R$ 36 mil. A quadrilha que ficar em segundo lugar leva como premiação uma moto 0km ou R$ 10 mil. O terceiro colocado pode levar também uma moto 0km ou o valor de R$ 7 mil.

9 de junho de 2018

A derrocada do PSDB


No período pós eleição, em 2014, Aécio descontrolado pela perca do pleito, não se fazia de rogado quando ia para imprensa dizer que "não haveria sossego" para o então governo reeleito. 

O que sucedeu-se depois foi uma verdadeira caixa de Pandora aberta. Nem os mais pessimistas tucanos poderiam prever um cenário tão sombrio. Aécio acabou corroborando com os porta vozes fascitóides, de irracionalidades e soberba - megalomania - jurídica. 

De próximo da fila na sucessão ao poder, o PSDB amarga um humilhante quarto lugar nas pesquisas. Seu nome forte de então, Aécio, desmoralizado publicamente, teve quer ceder para o atual governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, envolvido com investigações na Lava a Jato. 

O drama tucano só não é maior devido a clara blindagem que recebe de setores da mídia conservadora e por setores do "partido do judiciário". 

A bem da verdade, a Social Democracia Brasileira se atrapalhou no seu itinerário. Abraçou um programa temeroso (linha auxiliar de Temer), neoliberal e perverso, fruto de um golpe de estado, negando seu estatuto, sua história e razão de ser para atacar direitos sociais e trabalhistas duramente conquistados no Brasil, com sangue suor e lágrimas do movimento operário brasileiro. 

Triste fim para um partido que teve em seus quadros nomes como Franco Montoro e Mário Covas. 

Decadência merecida para neoliberais assassinos de direitos sociais, que passarão à história como um aglomerado de senhores feudais que um dia se autointitularam sociais democratas do Brasil.

Forúm de Cultura de Imperatriz na luta por direitos


O Fórum de Cultura de Imperatriz é um organização que agremia diversas entidades e pessoas ligadas a produção cultural da cidade. Desta feita, o grupo quer organizar o VI Fórum de Cultura e debater as problemáticas ligadas a questão Uma das muitos diretivas do FOCULT é promover o debate com o poder público e fazer valer as Leis de Incentivos que por ora estão ainda no esquecimento. 

Vale lembrar que o trabalho de fomento é imprescindível para o desenvolvimento econômico - regional. 

A atual coordenação do Focult entrou com representação contra a prefeitura de Imperatriz pela falta de compromisso em pagar os repasses que o Fundo Municipal de Cultura precisa para continuar a existir. Desde a época do então prefeito Sebastião Madeira os repasses não são feitos. 

Na gestão Assis , foram feitos alguns procedimentos neste sentido e a Fundação Cultural por meio do seu atual Presidente Buzuca lançou recentemente um edital de fomento a Cultura Popular. Porém há ainda um déficit enorme. Outras manifestações e categorias tais como música, artes visuais e literatura estão de fora. Os atrasos são muitos 

Ministério Público pede condenação de Madeira por Improbidade Administrativa 

O assunto é tão sério e grave que o Ministério Público expediu parecer favorável para condenar o ex-prefeito Madeira por improbidade administrativa, que perdesse direitos políticos por 03 anos, por conta desta falta dos repasses em sua época à frente da prefeitura. 

A atual gestão foi também intimada pela falta dos repasses, agora terá dez dias para responder judicialmente. 

Nossa constituição que é uma das mais avançadas em termos de direitos culturais, garante por meio de suas leis o incentivo e a fruição da produção cultural. A cultura hoje em dia responde com a maior parte do PIB em grandes centros urbanos , sendo um fator preponderante para maior qualidade de vida e desenvolvimento de cidadãos mundo afora.

4 de junho de 2018

Alceu Valença, Pinduca e Fagner confirmados no São João do Maranhão 2018


São Luís começou a entrar no clima da mais importante festa popular do Maranhão com a primeira prévia do São João 2018, realizada ontem (1º). 

Nas próximas duas semanas que antecedem a abertura oficial do São João, as prévias juninas serão realizadas às sextas-feiras, a partir das 18h, no Canto da Cultura (Centro Histórico) e aos domingos, com programação especial no Parquinho da Litorânea, no mesmo horário. Isso porque a temporada oficial do São João 2018 só começa no dia 15 de junho. 

Na capital os arraiais oficiais serão realizados até o dia 1º de julho no Ipem (Centro Social dos Servidores do Estado), Vila Palmeira, Praça Maria Aragão e Nauro Machado no centro histórico (somente às sextas-feiras e sempre com entrada franca). 

Além das atrações locais, a programação deste ano vai contar com shows de artistas de peso como Alceu Valença, Pinduca, Nando Cordel, Fagner, entre outros. 

O governador do Maranhão, Flávio Dino, comemorou a programação em postagem nas redes sociais. “Na programação das festas juninas deste ano, teremos os nossos lindos grupos culturais e participações especiais como Alceu Valença e Fagner. E muito mais. Eu vou e todos estão convidados”, disse. 

Veja abaixo o resumo da programação que este ano homenageará o Boi de sotaque “Costa de Mão”:




29 de maio de 2018

A greve dos caminhoneiros e a luta de classes


O aumento abusivo dos combustíveis do país provocou um drama nacional. Com a paralisação dos caminhoneiros a coisa tende a se agravar com falta de produtos básicos nas prateleiras e, claro, escassez nos postos de gasolina.
A grande mídia e o governo federal "suspeitam" que tudo esteja sendo orquestrado pela articulação entre empresas transportadoras e os motoristas de caminhão. Ontem o prefeito da cidade de Betim - MG e presidente da Cooperativa de Transportadoras Mineiras, fez um vídeo parabenizando o movimento. Prova maior que essa, só o fingimento da ingenuidade do governo.
Claro que a alta dos combustíveis fere de morte toda a atividade produtiva. Desde as grandes empresas transportadoras até aquele autônomo que possui um único caminhão.
Diesel e gasolina são insulmos incontornáveis para atividades fins. O caos começa a se instalar. Se dizia que o Brasil não poderia se tornar uma "Venezuela" e, vejam só, aqueles do Pato da FIESP devem estar se perguntando "onde foi eu que errei".
E por falar no país vizinho da América, vale lembrar que por lá eles sofreram um embargo econômico cruel por anos a fio , assim como Cuba , promovido por forças capitalistas ocidentais, mais notadamente EUA e comunidade européia. Nós estamos sentindo um pouco deste gostinho disso tudo agora. Assunto pra outro texto.
*Luta de classes*
A atividade de caminhoneiro é uma das mais precarizadas do mundo. Os motoristas proletariazam-se passando sono e tempo longe de suas famílias. E são trabalhadores importantíssimos para a engrenagem do Capital. O setor de transportes parando, para-se o Brasil como estamos vendo.
O governo ilegítimo do vampiro Temer sofre sua primeira grande pancada diretamente incidida sobre o setor produtivo. As contradições são flagrantes e tem na mira este desgoverno pós - impeachment. Uma GREVE GERAL pode e deve ser levada a cabo pelos setores que disputam a atual quadra histórica. Sem arrodeios , a luta de classes nunca esteve tão viva.
Setores políticos da esquerda deveriam se envergonhar de afirmarem "desconfianças" e absurdos como "isso tudo é coisa da direita" . Deveriam sim, saírem do Facebook e irem para dentro do movimento, apontar fatos políticos e contradições. Parar de disputar apenas sindicatos improdutivos e não entregar de mão beijada para os liberais a direção deste movimento que é legítimo.
Está claro que os rumos da greve dependerão dos diretamente envolvidos. Por isso é necessário menos análise de conjuntura e mais ação.
Todo apoio a paralisação dos caminhoneiros.

23 de março de 2018

De Getúlio a Lula: A História não para


Almoçando em uma das mais movimentadas paneladas de Imperatriz, escutei alguém citar o nome de Luís Inácio Lula da Silva. Imediatamente uma pequena polémica instaurou-se no local e logo as opiniões estavam divididas entre os que achavam que o ex-presidente era ou não culpado das "milhares" de alegações sobre sua conduta. 

Todos porém concordavam em uma coisa: Lula venceria as eleições  tranquilamente se fosse candidato. 

Sempre fico impressionado com uma figura tão popular e carismática como a de Lula. Aqueles que vivem "fora da bolha" das redes sociais e até mesmo aqueles que o odeiam sabem disso 

Verdade seja dita, Lula é junto com Getúlio Vargas um dos ícones do trabalhismo e da liderança política entre as camadas da classe trabalhadora menos abastada. Há porém uma diferença entre Getúlio e Lula que merece se salientada. Enquanto que o primeiro era oriundo de família tradicional pecuarista do sul, aristocrática, Lula é filho da vida dura, pauperizada, sofrida, assim como milhares de trabalhadores. Getúlio era da Casa Grande rompeu amarras e concedeu mais direitos a senzala. Lula era da senzala e concedeu mais direitos a senzala. 

Se a estupidez que se apossou das redes sociais deu gás a aberrações contra-democráticas, o golpismo barato é recheado de verdades de quem confunde habeas corpus com corpus christi. Com todas as falhas e erros relativas as operações de governo, o lulismo foi sim a melhor experiência que o Brasil teve desde a abertura democrática. O fascismo e a ignorância estão na moda. Acéfalos que desconhecem a História do Brasil se acobertam com memes e Gifs internet afora e desdenham de tudo, julgam e condenam abertamente. 

Na época dos oito anos do petismo no Brasil, eu era oposição à Lula. Naquele tempo fazíamos um debate que a conduta do governo era neoliberal. Lutavamos em superar o legado varguista pela esquerda e direcionar o mandato de Lula a lógica da social democracia e do estado de bem estar social, contra o rentismo e capital especulista. Isso era nos anos 2000. Hoje, aos quase quarenta anos de idade, luto para defender o legado varguista dos ataques da direita ambiciosa e fascista. 
São os sapos que temos que engolir quando pomos acima de tudo a luta pela democracia, pela Liberdade e pelos Direitos fundamentais. Numa situação em que tudo isto está altamente em risco. Retrocedemos ou não ? 

Apesar das inúmeras concessões feitas á elite, apesar de ter Henrique Meirelles no banco central e Palocci na fazenda , apesar de não ter feito pouco enfrentamento significativo ao andar de cima, seu governo é identificado com programas sociais como o Bolsa Família que tira um enorme contingente de trabalhadores do desespero de se sujeitarem a quaisqueres condições de trabalho e salário, com a ampliação da politica de cotas , com a ampliação do acesso á universidade , ainda que em parte com um programa muito polemico de subsidio a universidades privadas de péssima qualidade, Lula foi sim o melhor presidente que este país já teve. 

Havia o pleno emprego e muito menos desemprego que hoje em dia. Por essas e outras Lula saiu com quase 80% de aprovação popular. Nesta época no entanto, o MA vivia o mais do mesmo fraquissímo em termos de crescimento econômico. Hoje vivemos no Brasil com a corda no pescoço. Uma massa de desempregados e quase todos os estados da federação quebrados. No entanto o Maranhão cresce economicamente. Um bom assunto para um próximo texto.


Márcio Jerry anuncia candidatura a deputado federal


O secretário de Estado da Comunicação Social e Assuntos Políticos, Márcio Jerry, vai mesmo colocar seu nome a disposição do eleitorado em prol de uma vaga ao Congresso Nacional. Ele deve se descompatibilizar a partir do próximo dia 02 de abril. O anúncio foi feito nesta noite de quarta-feira (21) em Imperatriz. 

Entusiasmo e descontração foram a tônica do seleto grupo reunido em um hotel da cidade. O horário já avançado da noite não conseguiu abater ninguém na roda de conversa. 

Presentes entre os notáveis, o vereador e professor Carlos Hermes disse que estará firme e forte para apoiar o projeto MJ 2018. "A eleição de Márcio Jerry é uma necessidade para o Maranhão, já que representa os anseios da classe trabalhadora em nosso estado. É um perfil diferenciado", afirmou Hermes. Na ocasião também estavam presentes lideranças (representantes de prefeituras), jornalistas, professores, advogados, profissionais liberais e do comércio, todos manifestaram apoio ao presidente estadual do PCdoB, Márcio Jerry.  
A reunião foi organizada pelo Coordenador Regional do PCdoB, Prof. Adonilson que abriu os trabalhos e explicou que este primeiro momento é o desenvolvimento natural de uma grande caminhada que deve se ampliar pelo Maranhão e "demonstrar a permanência e continuidade das grandes mudanças que vivemos". Adonilson ainda justificou a ausência por motivo de agenda, de um dos mentores deste diálogo, o secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, presidente do PCdoB de Imperatriz. 

"Este projeto surgiu naturalmente irmanado com tudo aquilo que temos feito em prol do nosso Maranhão. Não é uma pré-candidatura do Márcio Jerry, mas sim de um campo político com legitimidade para tal. Um desafio que aceitei graças ao olhar e sentimentos de pessoas que assim como vocês, desejam dias melhores para a coletividade", firmou Márcio Jerry. 

Perfil 

Márcio Jerry Saraiva Barroso é jornalista e natural de Colinas/MA. Começou sua militância ainda no movimento estudantil da UFMA, em São Luís, nos anos 80. Foi por vários anos filiado ao PT e coordenou a campanha vitoriosa de Flávio Dino em 2014.

21 de março de 2018

Marco Aurélio enquadra Sousa Neto e detona proselitismo da oposição sarneyzista


O deputado Marco Aurélio (PCdoB) enquadrou o seu colega de parlamento Sousa Neto (PROS) na sessão desta terça-feira, na Assembleia Legislativa. Em discussões sobre Medidas Provisórias que alteraram organizações e cargos efetivos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros e que permitiram mais promoções, o comunista ainda detonou o proselitismo de outros deputados ligados à família Sarney. 

“Eu só queria que o Deputado Sousa Neto, que acabou de ocupar aqui a tribuna, que essa mesma garra que ele tem que ele tivesse no mandato anterior da governadora dele. Não era deputado, mas é genro da pessoa que tinha toda a força na Secretaria de Segurança Pública. Era toda a força na Secretaria de Segurança Pública e nunca defendeu, nunca defendeu. Ele não defendeu para que houvesse promoções no governo passado”, disparou Marco Aurélio. 

O deputado comunista exaltou os feitos do governo Flávio Dino para a melhoria do Sistema de Segurança, como a aquisição de quase mil viaturas e a promoção de mais de oito mil militares. Ele criticou os colegas de parlamento que querem politizar todas as discussões da Casa, mesmo como avanços notórios, mas que no passado nada fizeram para a melhoria das condições de trabalho de policiais e bombeiros. 

“Eu não estava na legislatura passada. Mas, por favor, se V. Exas. tivessem, se cobraram lá no governo passado promoções dos policiais, se fizeram duras defesas da promoção dos policiais, lá no governo passado, governo de Roseana Sarney, se eu tiver errado, por favor, publiquem as defesas de V.Exas. lá no governo passado. Porque agora vem cobrar, mas no passado não sei se cobraram, não sei se tinham essa mesma vontade. Não sei se tinham essa mesma determinação, ou se é puramente um debate político”, detonou Marco Aurélio, em discurso endereçado aos sarneyzistas Edilázio Júnior e Eduardo Braide.

Fonte: Marrapá

6 de março de 2018

Minirreforma: 11 gestores de pastas estaduais devem ser candidatos em outubro


Em entrevista recente a jornalistas da cidade de Imperatriz, o governador Flávio Dino (PC do B) confirmou que, em meados de março, todos os Secretários e Presidentes de órgãos estaduais que serão candidatos em outubro vão deixar suas pastas.
De acordo com informações do próprio Governador, apurações de bastidores e anúncios de pré-candidaturas, 11 gestores serão substituídos.
Confirmados como pré-candidatos temos: o secretário da Casa Civil Marcelo Tavares (PSB); o secretário de Comunicação e Articulação Política Marcio Jerry (PC do B); o secretário de Desenvolvimento Social Neto Evangelista (ainda no PSDB); o secretário de Indústria e Comércio Simplício Araújo (SD); secretário de Trabalho Julião Amin (PDT); secretário de Agricultura e Pesca Marcio Honaiser (PDT); secretário de Agricultura Familiar Adelmo Soares (PC do B); secretário de Meio Ambiente Marcelo Coelho (PSB); presidente do PROCON Duarte Júnior (PC do B); presidente da Agência Executiva Metropolitana Pedro Lucas Fernandes (PTB); Presidente da Comissão de Licitação Odair José (PC do B).
Vale destacar que Marcelo Tavares, Neto Evangelista, Marcio Honaiser, Adelmo Soares, Marcelo Coelho, Duarte Júnior e Odair José são pré-candidatos ao parlamento estadual. Já Marcio Jerry; Julião Amin; Simplício Araújo e o vereador de São Luís Pedro Lucas Fernandes são pré-candidatos à Câmara Federal.
Durante a entrevista, o Governador destacou que já vem estudando os nomes dos que assumirão as pastas há algum tempo. Os nomes dos substitutos ainda permanecem em segredo, no campo da especulação.
 Fonte: Blogue Marrapá

Clayton Noleto anuncia ampliação do campus da Uemasul de Açailândia



O secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, anunciou na  última  segunda-feira (5), durante a Aula Magna do campus da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (Uemasul) de Açailândia, a reforma e ampliação do prédio da instituição.
As instalações físicas do local são antigas e não atende mais a demanda do campus, que abriga os cursos de Letras, Administração, Tecnologia de Gestão Ambiental e Engenharia Civil. Com as obras, a comunidade acadêmica passará a contar com novos espaços como sete salas de aula, um auditório, uma quadra poliesportiva, sete laboratórios, entre eles uma brinquedoteca. 

Segundo Noleto, o próximo passo agora será adaptar o projeto para a viabilização do recurso. A estimativa é que as obras comecem ainda esse semestre. “A Uemasul é uma universidade que nasceu forte e cresce a cada dia  com os investimentos feitos no Governo Flávio Dino. O campus de Açailândia não poderia ficar de fora, vamos realizar uma obra para que o local fique com a estrutura que alunos e servidores precisam”, assegurou.

O diretor do centro, Christiano Aguiar, falou dos investimentos do Governo no campus. “Aqui em Açailândia, a gente vivia abandonado, literalmente convivendo somente com as dificuldades, agora o ambiente já é outro. O Governo do Maranhão está olhando com bons olhos para gente e estamos muito felizes”, afirmou.

Para o coordenador do diretório Central dos Estudantes, Júlio César Nascimento, as intervenções em andamento já estão mudando a realidade do campus. “A estrutura antes era desvalorizada, faltava água, não havia laboratórios e agora está prestes a ser entregue forro novo, novas janelas, quadro, bebedouro, piso e centrais de ar. E agora o anuncio dessa ampliação. É outra realidade”, acrescentou.

Aula Magna – Clayton Noleto participou da Aula Magna, momento em que são dadas as boas-vindas aos alunos, ministrando sobre o tema “Educação como agente de transformação social”, no campus de Imperatriz e Açailândia. O secretário abordou a importância da educação voltada para as questões coletivas e sociais. “Temos que pensar uma educação que vise o coletivo, que vise uma sociedade mais justa”, finalizou.
Texto: Janaina Amorim

Fotos: Jackson Silva


O sonho dos adversários é que a Beira Rio se desintegre


Com adjetivos pra lá de exagerados, a oposição ao governo estadual pautou a política hoje com um verdadeiro "vendaval" acerca da situação da Beira Rio. 

A magnífica reforma teve 4% de seu muro de contenção comprometido pelo volume das águas do Rio Tocantins. Um fenômeno natural e imprevisível em sua densidade. 

Por falta do que reclamar bastou somente estes 4% cederem , e pronto: o fim dos tempos está próximo. 

Utilizando a tribuna na câmara, o vereador Prof Carlos Hermes esclareceu que todas as medidas já estão sendo tomadas "A área está isolada há três dias e homens já executam o trabalho para reestruturar o pequeno trecho de muro desnivelado". Disse o Vereador Prof Carlos Hermes. 

O presidente do poder legislativo José Carlos também ponderou: "Até mesmo na casa da gente as reformas vez ou outra, não saem totalmente adequadas, imaginem uma obra do tamanho da Beira Rio". Finalizou. 

Quando criança, eu as vezes chateado com alguma coisa de pouca importância, minha sabia mãe dizia "Meu filho, não se amarre com imbira podre". Pois é, os detratores da oposição deveriam seguir o exemplo.
Postagens mais antigas Página inicial