30 de novembro de 2016

Vereador Prof. Adonilson solicita Restaurante Universitário para a UEMASUL


A câmara de vereadores aprovou, por unanimidade, a indicação encaminhada pelo vereador Prof. Adonilson (PCdoB) para a construção de um Restaurante Universitário (R.U) na Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UEMASUL). O pedido será encaminhado ao governador Flávio Dino, ao secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação, Jhonatan Almada, e aos representantes da Comissão de Transição da UEMASUL. 

Atualmente, Imperatriz conta com duas universidades públicas, quatro particulares além cursos à distância. Por ser referência universitária, vários estudantes da região se deslocam para a cidade em busca de um futuro profissional. Destacando as dificuldades desses alunos, Prof. Adonilson defendeu a importância do restaurante. 

“Fui aluno da UFMA de São Luís por nove anos e necessitei do Restaurante Universitário para fazer as principais refeições diárias. Em Imperatriz, alunos de outras cidades estão em busca de um futuro profissional e o Restaurante Universitário garante um maior vínculo entre universidade e aluno, evitando que eles desistam de seus sonhos por falta de condições financeiras” manifestou Prof. Adonilson. A indicação foi parabenizada pelos vereadores. 

Para Rosana Frazão, 30, formada em Serviço Social, a construção de um Restaurante Universitário vai ajudar no orçamento dos formandos e evitar gastos que podem ser investidos em outras necessidades durante a formação acadêmica. 

“Além de importante, é necessário essa construção porque facilitará no orçamento socioeconômico dos acadêmicos, pois com a criação do Restaurante Universitário se evitarão gastos que hoje são causados pela falta de um restaurante universitário” ressaltou.

UEMASUL 

O campus da UEMASUL de Imperatriz conta com dois mil alunos, 106 professores efetivos, 59 contratados e mais de 100 bolsas de pesquisa, extensão, bolsa de apoio técnico à pesquisa voltado a professores especialistas, bolsa trabalho e de estágio. A construção do Restaurante Universitário vai beneficiar alunos, professores e servidores da UEMASUL e da comunidade em geral.

20 de novembro de 2016

NANDO CRUZ APRESENTARÁ NO SALIMP, DIA 03, O SHOW "DEJA VU"


Em breve mais detalhes e a entrevista com o músico !

18 de novembro de 2016

CAPITÃO FÁBIO SERÁ PROMOVIDO A MAJOR


A pedido da nossa amiga e companheira Enfermeira Sandra, gostaria de registrar aqui a promoção alcançada pelo Capitão Fábio que agora alça ao posto de Major.

Major Fábio, receba nossos parabéns. As promoções são parte da política de valorização proposta pelo governo estadual com o intuito de melhorar a vida dos nossos policiais militares.

2 de novembro de 2016

A PEC DA MORTE E A ESPETACULAR REALIDADE NHÉNHÉ


Jovens, sejam realistas: exijam o impossível. O impossível de ontem é o direito do amanhã. Parafraseando o dizer pichado em um muro da cidade de Paris, no famoso Maio de 1968, inicio este texto com uma constatação: A PEC 241 rouba o futuro do Brasil, nossos estudantes. E o passado, nossos velhos. É indecente. E ineficiente. 

Estudantes revoltados promovem no momento que escrevo isso, ocupações em escolas públicas e universidades Brasil afora. Um vídeo circula pelas redes sociais onde uma jovem de dezesseis anos, por nome Ana Julia, de forma emocionada faz um discurso cirúrgico dando um show de cidadania na Assembléia Legislativa do Paraná. 

A Educação é dos estudantes. Não dos deputados, senadores, ministros. Brigar por ela ao lado da garotada é uma honra e uma obrigação. A Escola também é para aprender a defender os seus direitos. E inventar novos. 

Ana Julia é a voz que ecoa toda a frustração de uma bela geração que tem tudo pra ser melhor que a nossa. 

Alguns idiotas de plantão, mais por má fé do que por desconhecimento, ainda acusam estes jovens de vandalismo e “falta do que fazer”. 

Preferem esse realismo “nhénhé” que determina que temos que ser todos medíocres, começando pelas crianças, que domina o pensamento e o discurso político brasileiro, em todo o espectro. Brasil, se você não cuida dos seus filhos nem dos seus pais, vai cuidar de quem? 

A fórmula de austeridade casada com desemprego não funcionou em lugar nenhum dos países neoliberais da Europa. Por que funcionaria aqui? 

Se o doente está mal, não será retirando mais sangue dele que a cura virá. Na verdade o pacote de maldades de Temer e Cia visam acumular recursos para pagar divida pública e beneficiar aquele 1% da população ultra-capitalista. Que tal sobretaxar as grandes fortunas que não pagam imposto? 

Desses caras votando agora na PEC 241, uns 90% pagam menos imposto que você. O ajuste fiscal devia ser neles, não nos pobres. Como dizia o Mark Twain, temos o melhor Congresso que o dinheiro pode comprar. A PEC 241 pode e deve ser derrotada. É difícil. Quase tudo que importa de verdade é.

26 de outubro de 2016

QUEM TEM MEDO DA UEMASUL ?


Em um recente artigo, escrito e publicado nos jornais locais pelo ex-diretor da UEMA de Imperatriz, o Prof. Expedito Barroso, admoesta o grande salto adiante na Educação Superior Pública Estadual no Sul do Maranhão, materializado in legis na criação da Uemasul.

É o que  precisamos no momento.  Uma instituição que produza “intelligentsia”, que perceba a necessidade de demandas para melhor aproveitamento do potencial de nossa região.
O decreto do Governador Flavio Dino será encaminhado para a Assembléia Legislativa do Maranhão e deverá ser apreciado positivamente por ampla maioria.  Porém, forças obscuras parecem tramar pela anulação do projeto.

Mas afinal de contas, há quem interessa a derrota do projeto? Quem tem medo da UEMASUL?

Recentemente fez uso da tribuna na assembléia o deputado Cesar Pires. Se pronunciando contrária a idéia da criação de uma nova instituição de ensino superior. Logo ele, ex - reitor da UEMA que nunca proferiu uma palavra em defesa do sucateamento da universidade na época da gestão de Roseana Sarney.

Mas, o que saltou aos olhos como uma espécie de sinal vermelho foi a nota publicada pelo atual reitor da UEMA, o Prof. Gustavo da Costa.

Gustavão, como é mais conhecido entre muros na UEMA, diz na nota ter “recebido com surpresa” a informação sobre a criação da nova instituição, que nascerá do desmembramento da atual universidade.  Ora bolas, uma luta de anos e anos a fio desta região por mais autonomia e descentralização dos investimentos, e o atual reitor se faz de rogado. Que estranho!
Todos sabemos que  setor educacional no nível superior, ganharia mais celeridade, já que não dependeria de uma administração fora da região, diminuindo assim a burocracia estatal e de acesso ao ensino superior.

Infelizmente UEMA e UFMA não podem ter essa AUTONOMIA. Urge a formação de mais doutores e mestres que possibilitaria um retorno científico para o estudo de questões proeminentes e característicos dessa região, do sul do Maranhão e que são proeminentes de todo o Estado, como: as florestas enérgicas, hidrelétricas, assentamentos, questões da produtividade para agricultura familiar, da saúde, do extrativismo, das questões do turismo, da siderurgia e da celulose.

Essa luta vai para além dos muros da universidade.  Construir a UEMASUL  é estar sintonizado com os anseios da sociedade em termos de tecnologia, desenvolvimento e preservação dos recursos naturais, flora e fauna.

“A historia é palco para aqueles ousaram lutar...”


Viva a UEMASUL !

4 de outubro de 2016

Prof. Adonilson faz balanço da campanha eleitoral e agradece apoio de Imperatriz

O vereador Prof. Adonilson (PCdoB), na manhã desta terça-feira (4), fez um balanço da campanha eleitoral onde concorreu a vice-prefeito ao lado da candidata Rosângela Curado (PDT). O vereador também usou o momento para agradecer a todos os apoiadores que se fizeram presente durante esses 45 dias de pleito eleitoral. 

Prof. Adonilson iniciou sua fala destacando o orgulho em participar de uma chapa majoritária representada por mulher e recordou os momentos intensos durante a campanha. “Tive o orgulho de fazer parte de uma chapa majoritária representada por mulher. Única mulher disputando com cinco homens. Uma mulher que foi atacada dia e noite, e ataques esses frutos do machismo, do sexismo, da hipocrisia. Rosângela foi uma mulher incansável, posso até dizer inesgotável. 

Quem conhece Rosângela Curado, mesmo sem ter a mesma convicção política, fala que ela é uma mulher inesgotável” completou o vereador. Prof. Adonilson falou ainda sobre o conservadorismo no país, relembrou a luta da oposição e parabenizou os vereadores eleitos e reeleitos. “O que nós podemos observar nos últimos tempos é uma onda conservadora muito forte no país e esses ventos chegaram a Imperatriz nessa última eleição. 

São tempos difíceis, mas quero aqui parabenizar os trabalhadores do povo, como nosso secretário de Infraestrutura Clayton Noleto e nosso governador Flávio Dino, e também quero destacar a vitória dos companheiros Rildo Amaral (Solidariedade), Carlos Hermes (PCdoB) e Aurélio (PT) esses que vão continuar ferozmente o debate a favor do povo de Imperatriz” . 

Prof. Adonilson finalizou o momento agradecendo a toda militância: “Quero aqui elogiar os que participaram do projeto eleitoral, cada um defendendo a sua forma de ver o mundo. Em especial quero agradecer a toda a militância que esteve conosco durante essa jornada e dizer que eleição a gente não perde. Ou ganha, ou acumula-se experiências para uma próxima batalha” finalizou o vereador.