ELITE BRANCA E AS VAIAS A DILMA


Antes gostaria de afirmar que não sou petista. Nunca fui, mas, verdade seja dita: as vaias dirigidas a presidenta Dilma são uma desnecessária manifestação de incivilidade. 

Basta reparar que a maioria ali é de uma elite branca e abastada que pôde pagar 1.000 reais em um ingresso. Estes xingamentos em tom desrepeitoso nós fazem refletir em algumas coisas. 

Como bem lembrou Juca Kfouri, jamais vaiaram um Paulo Maluf por aqui. 

O governo se submeteu aos ditames da FIFA financiando e aceitando fazer um grande evento elitizado, com ingressos caríssimos, no qual o povo fica do lado de fora. O governo agora planta o que colhe pois beneficiando demais uma classe social privílegiada em detrimento dos anseios do povo tirou muitos moradores de suas casas e os jogou nas ruas. 

Isto sem falar do golpe bilionário nos cofres públicos com a isenção total dos impostos que deveriam ser pagos pela FIFA. 

Estas vaias teriam alguma legitimidade se fossem vindas da classe trabalhadora. Esta elite que vaiou, xingou e fez barraco com a cara da presidenta, odeia pobre e não tem interesse no social. E só querem ver a volta do PSDB para garantir ainda mais seus privilégios. 

Contradições  
Ontem vendo o jogo no buteco com uns amigos escuto um camarada com o logotipo da CBF, a maior organização corrupta deste país, descer o cacete no governo. Chamando-o de tudo que não presta. Sabe de nada inocente.

Ví muito chegado postando no facebook "não vai ter copa" e dias antes já marcando o churrasco com os amigos pra ver os jogos.

Vamos em frente. Viva a democracia. 

Comentários