28 de fevereiro de 2009

SARNEY E O DIABO



Em uma de suas viagens no jatinho do laranja dono de uma faculdade maranhense, Sarney com aquele pijama de seda, fazia a leitura diária de seu Maquiavel em um aposento privativo do avião. No mesmo vôo, vinha sua assessoria e os puxa, quando em dado instante, eis quem aparece, ele mesmo, o capiroto. Nesse instante, para não perder a viagem, o coisa ruim disse que o jato ia cair e todos iriam morrer e começou a fazer o avião balançar muito. Apavorados, os assessores foram até a cabine onde se encontrava o tranqüilo chefe e contaram o que estava acontecendo. Zangado, o Senador saiu do cômodo e foi ter com o capa preta e perguntou-lhe:

Sarney: você sabe quem sou eu?

O diabo: sim, o Sarney

Sarney: você sabe quem mandou prender o Zé Reinaldo usando seu prestigio junto a justiça e até a PF para satisfazer os caprichos de uma filha mimada?

O diabo: Com certeza, foi Vossa Excelência.

Sarney: você sabe quem manda no Amapá e até no desafeto Capiberibe?

O diabo: é o Senhor.

Sarney: você sabe quem não deixou o atual Governador do Estado do Maranhão trabalhar e irá tirá-lo do cargo no tapetão?

O diabo: O senhor é fogo, não há dúvida que é o senhor.

Sarney: você sabe quem manda no Lula e em meia duzia de petistas?

O diabo: O Senhor é claro.

Sarney: você sabe quem mandou durante quarenta anos no Maranhão, transformando-o no Estado mais pobre do Brasil e tem o menor IDH do País. Construiu também um mausoléu num lugar que era do Estado só pra satisfazer seu ego?

O diabo: É demais, foi Vossa Excelência.

Sarney: sabe quem dá as cartas na Eletronorte, BNDES, Ministério das Comunicações, Correios, Petrobrás e tem grandes influências em quase todos os Ministérios e na Câmara dos Deputados.?

O diabo: não tenho dúvidas que é Vossa Excelência.

Sarney: você sabe quem é sócio de um Banco em Miami, foi sócio do ex Banco Santos, é sócio de uma Indústria de automóveis na Índia, sócio de um grande hospital, de um shoping e de dois prédios na avenida mais movimentada de São Luís, além de possuir vários quadros famosos e livros raros em uma ilha?

O diabo: isso nem eu sei dizer de quem é, mas na dúvida... acho que é de um senador...
Sarney: sabe quem Ricardo Murad chama de painho e toma a benção todo dia por telefone antes de sair de casa..
O diabo: francamente, é o senhor.
Sarney: você sabia que agora sou Presidente do Senado só para abafar uma investigação da PF e tirar o Tasso Genro, tudo isso pra mostrar pro Lula quem manda?

O diabo: tu és pior que eu, porra!

Sarney: sabe quem possui o maior império de comunicação do Brasil para manipular pessoas em um Estado que tem um dos maiores índices de analfabetismo do país?

O diabo: cruz credo, és tu.

Sarney: sabes quem é meu genro?

O diabo: vou enfartar...
Sarney: Se liga, se eu morrer, com certeza, vou pro inferno.

O diabo: vai pra lá coisa ruim.

Nesse instante o capiroto sumiu e o avião voltou a não mais balançar e tudo ficou como antes. Moral da história. Até o diabo tem medo do que Sarney pode fazer no inferno. Que coisa!

Piada contada na Praça João Lisboa (MA) pelos fogosos frequentadore do largo em frente aos correios
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

1 comentários:

Wilson Leite disse...

Carlos Leen,

Isso não é piada, é um verdadeiro roteiro de filme de terror baseado em fatos reais.
É preciso romper com o que "fecha" o corpo desse hoemem, e os ensinamentos que deixa ao seus seguidores e discipulos se não o maranhão estará sempre nas mãos de uma oligarquia.